Odin - Supremo e Poderoso

Na mitologia Nórdica é o deus da guerra, mas também da poesia, das ciências, das artes.  Odin inunda tudo com seu espírito, governa tudo o que existe, até os outros deuses, que lhe devem obediência. 

Ele ajuda os heróis, lhes ensina a arte das armas, a sabedoria e a prudência. Odin é o deus que organiza o mundo retirando-o do caos.

 Odin é considerado o principal Deus da mitologia Nórdica. Deus da Sabedoria, Guerra e da Morte. Odin morava em Asgard, em seu palácio Valaskjálf, que ele mesmo construiu para si. 
Inseparável da sua lança, Gungnir, e seu corcel de oito patas chamado Sleipnir. Como deus da guerra, era encarregado de enviar suas filhas, as valquírias, para recolher os corpos dos heróis mortos em combate. 
 
Odin, não satisfeito em ser o líder do panteão nórdico, quis também ter todo o conhecimento dos mistérios mágicos.
Decidiu ser seu próprio sacríficio em um ritual para tal ato, fixando-se de cabeça para baixo por Gungnir, sua própria lança em Yggdrasill, árvore do mundo, num período de nove dias e nove noites, passando fome, sede e sangrando.
Após esse sacríficio, Odin avista no chão escritas rúnicas, e desce para recolhelas. Não satisfeito, solicitou Odin permissão para beber um pouco de água da Fonte de Mimir (Fonte do Conhecimento), e não hesitou em entregar em pagamento por tão valioso líquido mágico um de seus olhos.  


Ascendência
Os ancestrais de Odin e os seus irmãos segundo os relatos de Snorri Sturluson em Gylfaginning
 

Descemdência
É difícil e confuso traçar a descendência de Odin. Os seus filhos Thor, Vali e Baldr são os filhos reconhecidos universalmente, mas existem textos que referem diferentes filhos. Assim, uma descendência provável seria.




Sleipnir 

O lendário corcel de oito patas é o ser mais rápido entre os planos. O seu nome significa suave ou aquele que plana no ar. Ele também é associado com as palavras esguio e escorregadio.
Conta a lenda, que nasceu de Loki, quando este se transformou em uma egua, para atrapalhar a construção dos muros em torno ao templo de Freya, seduzindo Svadilfari, um garanhão, com o qual, um gigante disfarçado de humano, tentava terminar o trabalho antes do prazo.
No final da construção, quando estava a colocar o ultimo tijolo, Loki aparece como uma linda égua, atraindo o garanhão pra longe, assim, o gigante começou a destruir a muralha, fazendo com que thor aparecesse, e o matasse, com sua Mjolnir. Mais tarde, Loki deu a luz a Sleipnir, dada a Odin.



Gungnir
A lança de Odin. Na cultura nórdica, com essa lança Odin nunca erra o alvo. 

Foi também com ela que o Deus ficou atravessado nove dias e nove noites na Yggdrasill, árvore do mundo, para logo após obter conhecimento sobre as runas, ofertada por mágicos anões ferreiros.


Hugin e Munin
Eram os dois corvos de Odin. Informavam-no sobre os acontecimentos, vigiavam e contavam tudo o que se passa e o que já se passou no mundo.
Hugin era pensamento, e Munin, memória.

Geri e Freki
Alimentavam-se de toda carne que era ofertada a Odin, eram os lobos responsáveis por montar guarda aos pés de Odin.
Esse foi um pequeno resumo sobre Odin, existe muito a se contar, muitos contos e lendas sobre esse Deus incrível.
Para finalizar deixo um poema do autor Souza Vinícius, sobre Odin.

"Uma flecha para Odin"

Te ganho, te engano, te espero,
te tenho
te zelo e percorro o teu corpo
com esmero
te lambo felina no cio no meu bosque
sempre que minha pena é pequena,perto perto do culpado cupido,
estúpido garoto travesso que acertaste o alvo errado,
tornando o deus nórdico Odin,escravo do coração; "Odin um lírico apaixonado!"
Que besteira!
Te consumo com meu pensamento,
te resumo com meu pensamento e te engano com meu pensamento!
te desvirgino com a minha vontade de ser teu!
cupido idiota foi aquele que acertaste Odin erroneamente,
pois quando lhe mandaram flechar um deus, não era ele, e sim a mim!
Cupido bitolado tu és o culpado do meu desamparo
eu queria amar, eu queria! 

Blessed Be!




2 comentários:

  1. Incrível!! Gratidão pelo texto, ótimas informações sobre este misterioso Deus. :)

    ResponderExcluir
  2. MAS QUE LINDEZA ESSE BLOG!!!
    Como assim eu não conhecia antes? Adoro mitologia nordica! Adorei!

    https://www.memoriasdeumaguerreira.blogspot.com

    ResponderExcluir

Gostou? Não? Quer acrescentar algo? Comente!!!