Nossos vários corpos


Esse corpos possuem, então, afinidade com outras dimensões e com os seres dessas outras dimensões. Um clarividente vê com olhos que não são os olhos físicos, mas os olhos de um corpo sutil que se sobrepõe ao outro. É possível treinar nossos outros corpos, como se exercitássemos o corpo físico e, na maioria das vezes, fazemos isso sem perceber ao estudar magia, ler livros inspiradores, elevar nossos pensamentos, praticar ações e sentimentos elevados etc.



Esses corpos são importantes para nós, pois nosso equilíbrio físico depende do equilíbrio geral. Algumas pessoas recorrem às drogas para ativar esse outros corpos, mas é um grande erro, pois o resultado, apesar de imediato, é efêmero. Dura pouco e é falso. É como trapacear nas Olimpíadas. O resultado não lhe dará orgulho nenhum, pois nem foi mérito seu.

Os nossos outros corpos são os seguintes:


1. Físico (age no plano físico, é esse que você engorda quando come chocolate e hambúrguer, e quando bebe muita Coca-Cola).

2. Astral (o que circula livremente pelo plano astral e que, graças a Deus, não engorda!).

3. Mental (o que atua no plano mental, um plano próximo do astral onde nascem as idéias).

4. Emocional (também chamado etérico ou vital).

5. Causal (também chamado corpo da vontade).

6. Espiritual (também chamado de consciência).

7. Búdico (espírito divino).


Esses corpos refletem nossas escolhas do passado e nosso corpo físico mostra, muitas vezes, nossas ações. Erros cometidos numa vida refletem na próxima, e doenças vividas nesta podem ser resultado kármico de ações de vida passada. Muitas vezes, a pessoa aceita um desafio para servir de degrau para os outros, tamanho é o amor dela. Afinal, imagine quantas pessoas se disporiam a ficar cegas apenas para dar oportunidades para os outros exergarem.

Extraído e adaptado do livro A Incrivel Escola de Magia de Eddie Van Feu



Que as Deusas e Deuses os abençoe sempre!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não? Quer acrescentar algo? Comente!!!