Instrumentos - O ATHAME

Dando continuidade a série de postagens sobre instrumentos, vou falar agora sobre o Athame. 
Vou citar alguns livros e sites que li sobre o tema.

Utilizado para traçar o Círculo Mágico ou emblemas mágicos no ar, para direcionar a energia e para controlar e banir espíritos.





 O guia da tradição Wicca para bruxos solitários - Raymond Buckland
"O tipo de faca que você via usar é uma questão de gosto. Por tradição o athame é um punhal de lâmina reta, com dois gumes. A lâmina de dois gumes é recomendada pelo modo como ela é usada no ritual, o que será explicado mais adiante. Pelo fato de o athame não ser uma arma, como eu já disse, sua lâmina não precisa ser afiada, pois ele não é usado para cortar nada que seja físico. Ela é geralmente de metal (aço, ferro, bronze, cobre), mas pode ser de pedra (o sílex é uma escolha interessante), osso madeira ou outro material. É melhor que o cabo seja feito de um material natural, como madeira ou osso, em vez de plastico ou outro material sintético. Muitos bruxos afirmam que o cabo tem de ser preto, mas outros preferem outra cor escura. Essa é uma boa idéia, uma vez que a cor escura absorverá a sua energia pessoal. O tamanho da faca não importa. Algumas preferem um athame grande e impressionante, com uma lâmina comprida, enquanto outros optam por um punhal pequeno e delicado.
É você também que decide o que entalhar no cabo. Existem muitas tradições que existem regras específicas sobre o que entalhar nesse local, por isso, se você for membro de um covém, terá de seguir essas regras. Os Wiccanos Gardnerianos, por exemplo, usam vários símbolos derivados da magia cerimonial. Como solitário, porém, a decisão é sua. Uma possíbilidade seria usar seu nome de bruxo, as suas iniciais ou seu signo astrologico. Você pode entalhar também, de um lado do cabo, o seu nome (magico ou mundano) e, do outro, o seu signo solar, o seu signo lunar e sua ascendente. Como eu disse, o importante é que você faça algo para impregnar o athame com sua energia"


      Wikipédia, a enciclopédia livre - Athame
O athame é um punhal, tradicionalmente de cabo preto e dois gumes, usado na Wicca e em algumas linhas de bruxaria. Ele é utilizado para traçar o Círculo Mágico ou emblemas mágicos no ar, para direcionar a energia e para controlar e banir espíritos.
As origens da palavra athame foram perdidas na história. Alguns dizem que possa ter vindo de 'A Chave de Salomão' (1572) que se refere à faca como arthana, enquanto outros afirmam que athame vem da palavra árabe al-adhamme ("letra de sangue"), que se refere a uma faca sagrada usada na tradição mourisca. Em qualquer um dos casos, há manuscritos datados do século XI que abordam o uso de facas rituais na Magia. O uso de uma faca sagrada em ritos pagãos é bastante antigo. Há um desenho de um vaso grego datado de aproximadamente 200 a.c. que mostra duas bruxas nuas tentando invocar os poderes da Lua para a sua magia. Uma delas está segurando uma varinha e a outra segura uma pequena espada.
O Athame atualmente também é utilizado para representar o aspecto masculino da divindade e como um símbolo da vontade. As(os) bruxas(os) só usam seus Athames em rituais e feitiços, mas outros acreditam que, quanto mais for usado o Athame (mesmo em situações cotidianas), mais poderosa ela se torna.
Em uma jóia da Roma Antiga, há a figura de Hécate na forma tripla, onde seus três pares de braços seguram os símbolos de uma tocha acesa, um açoite e uma adaga mágica.
Uma xilogravura que ilustra a história de Gentibus Septenbrionalibus de Olaus Magnus, publicada em Roma em 1555, mostra uma bruxa controlando alguns fantasmas, brandindo um athame em uma mão e um punhado de ervas mágicas na outra.
O athame também é usado na confecção de varinhas. Para isso, é necessario um athame de cabo branco (Boline). Esse costume era muito usado na antiga cultura celta. As varinhas também são usadas para se direcionar a magia com mais precisão .O ATHAME é um punhal ritualístico de fio duplo sem corte, utilizado para absorver, potencializar e direcionar energias em RITUAIS . Normalmente usado para traçar o círculo mágico e desse modo afastar qualquer tipo de energia ou ser ESPIRITUAL que possa atrapalhar o ritual.
Representa o elemento AR , e é utilizado na celebração simbólica do Grande Rito, ao ser mergulhado no cálice sagrado. Tradicionalmente possui o cabo preto, porém pode possuir outras cores. É comum ter gravados em sua lâmina ou cabo símbolos e selos mágickos.

Importante: O ATHAME não possui nenhum uso de corte, quando não usado para direcionar energias em RITUAL é um instrumento decorativo que serve como símbolo do poder masculino no altar, já que representa um falo, enquanto que o cálice representa um útero. Por se tratar de um objeto que possui ponta, é muito importante que se tenha total cuidado com o seu uso e armazenamento para não gerar nenhum tipo de acidente.
Algumas pessoas utilizam facas de COZINHA , novas, para substituir o punhal, visto que nem sempre conseguem adquirir um. Isto é válido, desde que haja a preocupação de retirar o corte da lâmina da faca, como precaução para que não ocorram acidentes enquanto o objeto está sendo manuseado no rito.
No passado, por puro preconceito, as pessoas acreditavam que os ATHAMES eram utilizados em ritualísticas de sacrifício, infelizmente essa idéia ainda persiste na mente de algumas pessoas. Tal idéia é completamente absurda, visto que, além do objeto não precisar de corte, é completamente fora dos nossos princípios religiosos qualquer tipo de sacrifício.
Ele simboliza o Deus no altar e só é retirado do mesmo, para traçar o círculo ou para efetuar a simbologia do Grande Rito, onde a união do ATHAME e do cálice simbolizam a união do Deus com a Deusa. É possível que alguma tradição dê outros usos ao Athame, porém, com toda certeza nenhum deles pode estar relacionado ao uso do ATHAME como arma.

3 comentários:

  1. Ola, gostaria de retirar uma duvida. Logo a cima diz que no cabo do athame eu posso colocar meu nome mundano ou de bruxo. Como assim nome de bruxa??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Pelo comentário Agatha!
      Todo Bruxo(a), tem um nome pagão. Cada um escolhe ou encontra um nome para ser usado em rituais e/ou ser conhecido no meio pagão. Por Exemplo o meu (nunca contei isso aqui, rs) sou o Lutivinus Fogus Sacre ou só Lutivinus (nome de Bruxo) e também sou o Lucas (nome civíl).

      Excluir
  2. Olá! Eu gostaria de saber com que fins e quando é feito o Grande Rito. Obrigada

    ResponderExcluir

Gostou? Não? Quer acrescentar algo? Comente!!!